23 de agosto de 2010

Personalidade ou Máquina?

Escrito por Igor Batalha

"Nao basta ensinar ao homem uma especialidade, por que se tornará assim uma máquina utilizável, mas nao uma personalidadede. É necessário que adquira um sentimento, senso prático daquilo que vale a pena ser empreendido, daquilo que é belo, do que é moralmente correto. A nao ser assim, ele se assemelhará, com seus conhecimentos profissionais, mais a um cão ensinado do que a uma criatura hamoniosamente desenvolvída. Deve aprender a compreender as motivações dos homens, suas quimeras e suas angústias para determinar com exatidão seu lugar exato em relação a seus próximos e à comunidade" [Albert Einstein - "Como vejo o Mundo"]

Tirei esse texto da minha ultima prova de física, após ler e refletir sobre as ideias do genio Einstein, vi a extrema importancia de se adquiri um trabalho que possa gerar prazer, de tomar conhecimento da área em que você irá se especializar para que possa contribuir para a sua sociedade de forma postiva.

Aquele pensamento que hoje em dia é bem comum na cabeça de muitos jovens do tipo "vou fazer medicina porque dá lucro!". é algo que eu realmente nao consigo entender, precisamos saber que o dinheiro é necessário, mas não vai ser ele que vai te proporcionar prazeres prolongados e então você se tornara um "cão ensinado", adestrado somente com o intuito de trabalhar para obter lucro e nada mais!

Onde fica o prazer, a personalidade, a experiencia adquirida pela profissao que se gosta?
Acredito que se trabalharmos naquilo que gostamos, poderemos contribuir muito mais para a nossa sociedade e se formos bons nessa profissao, nao morreremos de fome, obtendo uma vida repleta de experiencias e um ótimo financeiro.

Não se deixe levar pelo dinheiro, trabalhe para ser alguem mais humano e mais feliz!

0 comentários:

Postar um comentário